Gelato Italiano – conheça a história dessa sobremesa

O famoso gelato italiano é uma das sobremesas mais tradicionais da Itália, mas você sabe das origens e vantagens dessa delícia?

Por: Gabriel Cardoso

A cozinha italiana teve muitos sabores que conquistaram o mundo, sendo facilmente uma das mais reconhecidas de todo o planeta. Mas poucos sabores da Itália se popularizaram tanto quanto os famosos gelatos. Sendo uma dos sabores que mais conhecidos  do mundo, o gelato italiano é consumido em quase todas as partes do planeta, desde os locais mais quentes até nos lugares mais frios do mundo.

De onde veio o Galeto italiano?

A origem do gelato, ao contrário do que muitos pensam, não é diretamente da italiana. Na realidade o doce tem uma origem muito mais antiga e com registros imprecisos, sendo os primeiros registros vindo da China antiga, de documentos com mais de três mil anos de idade. Sendo uma popular sobremesa no império chinês, ela originalmente era feita com a mistura de neve fresca, néctares de determinadas frutas e mel para criar uma espécie de “sorvete antigo”. A receita acabou por ser conhecida pelos povos árabes e foi cada vez sendo aprimorada pelos primeiros “sorveteiros” da antiguidade.

Com diversas teorias sobre a introdução do “sorvete” na Itália, alguns estudos apontam como responsável o conquistador Alexandre  O  Grande e mais recentemente o Mestre Sorveteiro Gerard Taurin, especialista na história do gelato italiano, sugere que Mercador Italiano Marco polo foi o responsável por trazer a iguaria das terras chinesas.

Gelato Italiano, a sobremesa nevada que conquistou a Itália e o mundo

Muito antes da unificação italiana, o Gelato conseguiu unificar o país sendo uma febre gastronômica. O prato se popularizou entre as elites das cidades italianas e isso gerou um grande movimento pela busca por novos sabores, novas técnicas de produção e claro, novos segredos. A paixão pelo gelato italiano foi tão grande, que segundo a lenda, que um “mestre-sorveteiro” recebeu Royalties pagos pelo Rei Carlos I até o fim da vida apenas para manter a receita em segredo.

A popularização na Europa foi tão grande, que após o Chef Francesco dei Coltelli após inaugurar o primeiro café com sorveteria de Paris em 1968, o ainda ativo Café Procope, mais de 250 cafés similares abriram em menos de 50 anos.

O Gelato Italiano se popularizou, profissionalizou e se transformou. Conquistando todo o mundo e sendo uma das sobremesas mais reconhecidas por pessoas em qualquer parte do mundo e refrescando pessoas com um sabor delicioso.

gelato italiano - conheça a história dessa sobremesa

Mas quais características definem a qualidade de um bom gelato italiano

Ao contrário do primo mais comum, o sorvete, consumir gelato italiano tem benefícios ótimos para a saúde. Anualmente são publicados diversos artigos e matérias comprovando o quanto é benéfico tomar gelato durante o verão. A sobremesa até mesmo pode ser considerada um prato saudável para ser consumido regularmente, visto que contem poucos açúcares, proteínas e boas gorduras. Porém é necessário estar atento a alguns aspectos para não acidentalmente comprar sorvete comum como gelato italiano.

Um gelato italiano autêntico, além de ter ingredientes frescos usados em sua produção, não deve apresentar flocos cristalizados, visto que a textura mais suave é uma das principais características da sobremesa. Pontos como o sabor que não deve pesar no paladar, a naturalidade do gosto, baixo teor de açúcar e a temperatura mais baixa que o sorvete comum. Uma forma fácil de perceber se o sorvete é um legítimo gelato italiano é observando se o gelato ultrapassa o container de aço, pela baixa resistência ao calor (quando comparado com o sorvete tradicional) ele não consegue resistir por muito tempo nesse estado caso esteja sendo mantido na temperatura ideal.

Uma ótima descrição de como o verdadeiro sabor de um Gelato Italiano deve ser foi feita em uma reportagem escrita pela jornalista Erla Zwingle, contando os segredos de um mestre em gelatos italianos:

“O sabor do legítimo gelato italiano não busca atingir sua boca ou seu estômago. Ele quer atingir seu sistema de recompensa cerebral usando a dopamina. É essa parte que diz: Você não precisa comer isso, mas você vai querer comer mais.”

No La Grassa você tem gelato Italiano de sobremesa!

Aqui no La Grassa você pode experimentar um pouco de diversos aspectos da cozinha italiana de alto padrão. Nossos pratos são feitos com a mesma motivação que incentivou os mestres-gelateiros italianos a desenvolver as receitas de sorvete que conquistaram o mundo. Venha ter um delicioso jantar conosco e experimentar uma de nossas opções de gelato italiano!

Compartilhar:

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário